GERAL

Escola Getúlio Vargas e aluno representam o Estado em Brasília


  • Por
  • 12/05/2018 - 11h37
Diretora Márcia, Samuel, professoras Edilce, Susana Rother, a coordenadora pedagógica Elisiane e a supervisora Cleni (Paula Kroth/AT)

A Escola Técnica Estadual Presidente Getúlio Vargas e o aluno Samuel Maciel dos Santos da turma 91, foram selecionados para representar o Rio Grande do Sul na 5ª Conferência nacional infanto-juvenil pelo meio ambiente na fase nacional.
Em visita ao jornal A Tribuna o estudante Samuel Maciel dos Santos, acompanhado da professora de Arte, Edilce Massafra Escobar; coordenadora pedagógica Elisiane Marques Christoschek; professora de geografia e supervisora, Cleni Zimmermann; diretora Marcia dos Santos Aranda e professora de ciências, Susana da Luz Rother, explicaram o projeto, do qual a professora de biologia Solange Donato, também participou.
A diretora Marcia falou que através do projeto desenvolvido, a escola e o aluno representaram a 14ª Coordenadoria Regional de Educação em Porto Alegre nos dias 8 e 9 de maio participando da fase estadual e o conquistaram o 1º lugar da escola e aluno para representar o Estado em Brasília.
A coordenadora pedagógica, Elisiane, explicou que o projeto foi apresentando pelo aluno Samuel sem usar nenhum recurso, apenas com argumentação “Acredito que isso tenha contado muito e acabamos ganhando o prêmio como escola e aluno e agora vamos a Brasília” fala. Elisiane também explica que lá terá um estande por estado com o projeto e o aluno.
PROJETO
O projeto “O rio que eu quero” tem o objetivo de conscientizar e propor melhorias na qualidade e conservação da água na cidade de Santo Ângelo. Para isso os alunos realizaram visitas no rio Itaquarinchim diagnosticando os maiores problemas e levando a discussão para a sala de aula. Foram propostas ações para melhoria da qualidade e conservação da água do rio que abastece parte da cidade.
As ações propostas no projeto são exibição de um vídeo “O rio que eu quero”, que será divulgado nas redes sociais. Colocação de cartazes nos pontos comerciais no entorno da escola e distribuição de folders às famílias dos estudantes.

PUBLICIDADE
').insertAfter(ps.get(i - 2)); }