Jovem é acusado de agarrar e morder mulher

 

Um jovem de 23 anos foi preso pela Brigada Militar pouco depois do meio dia da quarta-feira,19, no bairro Santa Clara, logo após ser acusado de agarrar e morder uma jovem de 22 anos, que caminhava pela rua. Conforme a delegada Luciana Cunha da Silva, a vítima afirmou que estava caminhando pela rua no bairro Colméia, indo em direção a sua residência e, repentinamente, o acusado veio até ela e a agarrou.

 


A vítima disse que lutou com o acusado, que deu mordidas pelo seu corpo. Ela teria corrido e tentado pegar o celular para ligar 190 e pedir socorro, mas contou que foi alcançada pelo acusado e não conseguiu fazer a ligação.  Ao gritar por socorro, como estava chovendo, ninguém teria lhe ouvido. Ela conseguiu escapar De posse das características, a BM localizou e prendeu o acusado.

 


A delegada Luciana Cunha da Silva informou que a jovem apresentava lesões pelo corpo, devido a mordidas que levou e também durante o depoimento estava muito nervosa e chorando. O jovem acusado de estupro passou mal na Delegacia de Polícia e teve de ser medicado por uma equipe do Samu. O acusado não possui passagens pela polícia e logo depois do flagrante foi encaminhado para o Presidio Regional de Santo Ângelo, onde ficará à disposição da Justiça.

 

CÒDIGO PENAL


No artigo 213 do Código Penal, que trata do crime de estupro, consta que: constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar, ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso, configura-se estupro, portanto, não necessariamente precisa ocorrer a conjunção carnal para configurar o crime. A pena prevista em lei é de 6 a 10 anos de prisão.

Comentários   

 
+1 # Adriano 20-03-2014 23:42
tem que colocar nome dos infratores
Responder | Responder com citação | Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar