Vigilante terceirizado é preso por tentativa de furto

Crédito foto: Polícia Civil/Divulgação

 

Um vigilante de uma empresa terceirizada que trabalha na vigilância do Cemitério Padre Roque Gonzales, em Santo Ângelo, foi preso durante a madrugada da segunda-feira, 20, em São Miguel das Missões, juntamente com mais dois homens após tentativa de arrombamento de um estabelecimento comercial.
CIRCULANDO PELA REGIÃO
O vigilante de 36 anos, é proprietário de um Vectra vermelho que já tinha sido visto em pelo menos quatro cidades da região durante madrugadas anteriores.
A Polícia Civil investiga se o vigilante aproveitava o horário da noite em que trabalha no cemitério para praticar delitos em outras cidades. Pelo
fato de ter compromisso no cemitério de Santo Ângelo durante o horário dos furtos, ele poderia usar isso como um álibi.
Os outros dois homens, de 34 e 35 anos, que foram presos com ele já tem passagens policiais.
De acordo com a delegada Josiane Froelich, o trio foi abordado pela Brigada Militar durante a madrugada da segunda-feira e na sequência eles foram informados que um estabelecimento comercial havia sido arrombado.
NOMES FALSOS
Na primeira abordagem, os dois homens que estavam com o vigilante deram nomes falsos para tentar ludibriar o trabalho da polícia, mas logo depois foram identificados.
Com eles, foram apreendidos um revólver da empresa de vigilância, dois alicates de pressão, o miolo da fechadura do estabelecimento comercial, três celulares e mais ferramentas.
O vigilante foi preso por porte ilegal de arma de fogo e tentativa de furto arrombamento. Já os outros dois foram presos por tentativa de furto arrombamento e também vão responder pelo fato de terem informado nomes falsos.
Os três foram encaminhado para o Presídio Regional de Santo Ângelo.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar