Acusado de tentativa de homicídio contra mulher e bebê foi indiciado por três crimes

 

O homem de 40 anos, é acusado de atirar contra uma mulher de 37 anos, uma bebê de 1 ano e 11 meses e sua avó

 

 

O crime aconteceu durante a noite do dia 8, deste mês na rua Santo Antônio, bairro Braga quando Karmela Nunes de 37 anos conduzia seu veiculo Uno, e levava na carona o suspeito. O casal que estava em fase de separação teria discutido dentro do carro. O homem teria discutido com a vítima que saiu correndo após ter batido em um carro estacionado. Na sequência, o suspeito teria saído do carro e disparado contra Karmela. Na sequência acertou em um bebê, que estava no colo de sua avó, que também foi baleada de raspão. O tiro que atingiu a bebê (menina) transfixou o pulmão e atingiu sua avó de raspão.


Conforme a delegada Luciana Cunha da Silva, o inquérito foi concluído e remetido à justiça nesta semana. O homem de 40 anos que permanece preso, foi indiciado por três crimes (considerando que teve três vítimas) tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil e pelo gênero, que foi enquadrado na lei do feminicídio.


A nova lei, onde alterou o Código Penal e entrou em vigor março deste ano. A nova lei diz que os acusados de terem cometido crime contra mulher terão penas mais severas. A delegada informou também que este é o segundo caso em Santo Ângelo, que aplicou a nova lei.


O acusado já tinha passagens por violência doméstica contra a companheira anterior. O bebê baleada já deu alta do Hospital de Passo fundo e está em casa. Karmela ainda permanece na UTI em estado grave.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar