Um santo-angelense e um entre-ijuiense morrem em acidente na 386

 

O santo-angelense Diego Kother Duarte, 37 anos, e o entre-ijuiense Edilson Fontana Alves, também de 37, foram vítimas fatais do acidente de trânsito acontecido no início da noite desta quarta-feira, 15, no km 308 da BR 386, em Pouso Novo, no Vale do Taquari. Outras cinco pessoas de uma mesma família também morreram.
Além dos sete mortos, outras quatro pessoas ficaram feridas. O acidente envolveu um caminhão desgovernado, de São Miguel das Missões, que descia a serra conduzido pela vítima de Entre-Ijuís, e mais quatro veículos.
Diego Duarte estava se deslocando em um Fiat Uno para Santo Ângelo e o caminhoneiro ia em direção a Porto Alegre, com uma carga de trigo. As outras vítimas fatais eram ocupantes de um Tipo, todos da mesma família: Alison Barbosa Schmitz, de 22 anos, Janete Barbosa Schmitz, de 41, Assunção Schmitz, de 50, Zilda Schmitz, de 53, e Sueli Schmitz, de 50 anos.
Edilson era motorista de caminhão, com placa de São Miguel mas morava em Entre-Ijuís. Já Diego Duarte era morador de Santo Ângelo e proprietário da empresa Eurocar, localizada na avenida Ipiranga. As outras cinco vítimas saíram de Tiradentes do Sul e retornavam de um velório para Nova Santa Rita.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) o acidente ocorreu por volta das 19h20min quando o caminhão atingiu a traseira do Tipo e esse atravessou a pista se chocando de frente no Uno de Diego. Após a colisão, o caminhão desceu um barranco. O Uno e o Tipo acabaram pegando fogo, com os ocupantes dentro.
Outros dois veículos envolvidos na tragédia foram um Fiat Premio e um Toyota Corolla. No primeiro estavam quatro pessoas, que ficaram feridas após o carro bater em um barranco. Todas foram encaminhadas para o Hospital Bruno Born, de Lajeado. O motorista do Corolla saiu ileso.
Segundo o inspetor Alessandro Castro, chefe de Comunicação da PRF, a suspeita é de que o motorista do caminhão tenha "perdido" os freios, mas outras circunstâncias serão investigadas. “Uma pessoa relatou que o motorista estava viajando em alta velocidade a alguns quilômetros do ponto da colisão. O tacógrafo já está com a perícia”, disse o policial.
O corpo do santo-angelense Diego Duarte está sendo velado na Funerária Mousquer e Brum, com sepultamento hoje no Cemitério Sagrada Família, por volta das 9 horas. Já o velório de Edilson Alves é realizado na Funerária Bom Pastor, com sepultamento do corpo , às 9 horas, no Cemitério Municipal de Entre-Ijuís.

 

Crédito foto: Divulgação/PRF

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar