Polícia Federal prende Santo-angelense investigado por pedofilia

 

 

A Polícia Federal cumpriu nesta quarta-feira, 08, mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão decretados pela Justiça Federal contra um morador de Santo Ângelo, ele teria sido identificado como autor de crimes sexuais contra crianças e adolescentes.

 

As investigações foram iniciadas por conta de denúncia feita por mães de um grupo de crianças à polícia Federal de Santo Ângelo, após terem percebido que seus filhos estariam sendo vítimas de assédio sexual através da internet. O investigado utilizava perfis falsos nas redes sociais e sua confiança adquirida por conta da profissão para obter as imagens.

 

Com a utilização de programas de bate-papo e redes sociais, o investigado, de 23 anos, mantinha diálogos de conteúdo impróprio com suas vítimas e, por meio da câmera acoplada ao computador de seus interlocutores, captava cenas de exibição explícita de crianças e adolescentes.

 

Após ter obtido o material via programa de bate-papo com uso de vídeo, o criminoso armazenou as imagens envolvendo diversos meninos entre 11 e 16 anos em situações pornográficas  até mesmo em duplas, incluindo exposição de genitais, masturbação e inserção de objetos no ânus

 

Perícia técnica nos equipamentos eletrônicos apreendidos no dormitório e na casa do criminoso recuperaram arquivos apagados que continham as cenas de pedofilia. A Polícia Federal orienta pais e responsáveis legais para que fiscalizem e acompanhem atentamente qualquer utilização por menores de aparelhos eletrônicos que acessam a internet, pois os criminosos estão atentos à vulnerabilidade causada pela falta de vigilância dos responsáveis. 

 

 

 

Comentários   

 
+4 # HAMILTON 08-10-2014 14:33
fico muito triste que a imprensa Santoangelense tem como norma citar noticias de todas as maneiras e não colocar e dar nome ãos bois se não pode dizer ou publicar nome não falem nada pois isto da repugnanmcia estou falando em todos os órgãos e meios de jornais rádios e redes sociais,,.
Responder | Responder com citação | Citar
 
 
+1 # Luana 09-10-2014 14:55
Não to defendendo ninguém, até porque nem sei de quem se trata, mas não é a imprensa Santoangelense. É lei, está previsto no art. 17 do CC: "o nome da pessoa não pode ser empregado por outrem em publicações ou representações que a exponham ao desprezo público, ainda quando não haja intenção difamatória”. Bom como o art. 5º, X da CF:são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação. Apenas uma informação. Muito obrigada!
Responder | Responder com citação | Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar