Colheita de milho tem redução de18% na produtividade


 

A colheita de milho cultivado no ciclo preco­ce foi finalizada em San­to Ângelo registrando uma redução de 18% de produtividade média em relação à obtida na safra passada. Dados divulgados on­tem pelo chefe do escritó­rio municipal da Emater, agrônomo Álvaro Uggeri Rodrigues, foram colhi­das neste ano uma mé­dia de 90 sacas/ha contra 110 sacas por hectare em 2014.

 

“A produtividade mé­dia inicial estimada era justamente de 90 sacas/ha”, lembra Álvaro. Ele atribui essa dimi­nuição de produtivida­de média final do cereal principalmente à falta de chuvas verificadas em novembro de 2014 em al­gumas localidades inte­rioranas, quando a cultu­ra se encontrava na fase reprodutiva, período este considerado crítico e com a necessidade de água para o cereal.

 

AVALIAÇÃO

 

Na safra 2014/2015, foi plantada uma área to­tal de 4.250 hectares com milho no município. Con­tudo, observa Álvaro, a produção e produtividade da cultura ainda estão em avaliação. Ele ressalta que a pro­dutividade média de 90 sacas/ha não é definitiva e poderá sofrer altera­ções.

 

Já na safrinha de mi­lho foi semeada uma área de apenas 850 hectares que falta para ser colhida. “Este volume representa 20% da área total e se en­contra em fase de desen­volvimento vegetativo”, resume.

 

Foto: BD

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar