Adiada em 90 dias obrigatoriedade de novos extintores automotivos

 

 

 

 

 

A obrigatoriedade dos novos extintores de incêndio veiculars, do tipo ABC, foi adiada por 90 dias, em acordo do Ministério das Cidades com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), nesta segunda-feira. Desta forma, a multa prevista de 127 reais, com cinco pontos na carteira de habilitação ficam suspensas.

 

Resolução do Contran, que começou a valer em 1º de janeiro, previa a obrigatoriedade do equipamento em todos os carros em circulação. Por conta da alta procura, o produto chegou a desaparecer do mercado em muitas cidades, ou teve o preço reajustado a valores altíssimos.

 

Na tentativa de normalizar o fornecimento, com algumas fábricas prevendo o reabastecimento apenas para fevereiro, ou até março, foi adiada a fiscalização da normal. O Denatran chegou a informar, nesta segunda-feira, que não havia possibilidade para suspender a fiscalização e a multa, mas acabou cedendo.

 

Foto: Divulgação/AT

 

 

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar