Estreia amanhã em Farroupilha


 

Um empate era o suficiente para garantir o Santo Ângelo na segunda fase da Divi­são de Acesso. Mas o time missioneiro fez mais, venceu o Esportivo por 2 a 0 e contando com a der­rota do São Luiz fechou a primeira fase com a se­gunda melhor campanha da chave.

 

A vitória na tarde de sábado foi garantida com tranquilidade. O Espor­tivo poderia também se classificar com o empate e somente seria rebai­xado em caso de vitória do Nova Prata contra o Panambi. Sendo assim, o time da serra também não partiu para cima, fi­cou na espera. Com os gols do Panambi saindo logo cedo, o time de Ben­to Gonçalves procurava levar o jogo em “banho Maria”.

 

O Santo Ângelo não. Mesmo sendo beneficia­do com o empate, queria a vitória para melhorar a sua posição. O primeiro gol saiu na primeira etapa, aos 32 minutos. O lateral Rodri­go errou na saída de bola e Evair acionou Rafinha, que venceu o zagueiro na velocidade e chutou forte para abrir o placar.

 

SEGUNDO TEMPO

 

Com os resultados pa­ralelos, o Esportivo pas­sou a necessitar de uma vitória para se classifi­car, porém, o jogo seguiu morno na segunda etapa, com o Santo Ângelo tam­bém arrefecendo seu ím­peto ofensivo.

Aos 27 minutos, o tor­cedor que foi ao estádio da Zona Sul foi brindado com um golaço. Ricardo Talherme, o mais regular jogador do time, pegou a bola na direita, entrou na área a dribles e chutou forte, no ângulo, definin­do o jogo e a classificação.

 

Para o jogo desta quarta, o treinador Zica Pagliarini poderá contar com os retornos de John Lennon e Baiano, que le­sionados não jogaram na sexta. Vinícius Paulista levou o terceiro cartão amarelo e está fora da partida.

 

Foto: Rogério Sartori/AT

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar