Spider é pego mais uma vez em antidoping

 

 

 

 

Anderson Silva foi pego novamente no antidoping, segundo o site Combate. A informação é de que deu positivo o resultado do antidoping feito no dia 31 de janeiro, data da luta com Nick Diaz no UFC 183. O exame ainda não foi divulgado pela Comissão Atlética do Estado de Nevada.

 

O primeiro resultado positivo foi para o exame realizado no dia 9 de janeiro, que apontou esteróides anabolizantes. Conforme o Combate, com o segundo resultado positivo o lutador deve ser suspenso por nove meses a dois anos. Anderson Silva deve ser ouvido na próxima terça-feira em uma audiência em Las Vegas. Nick Diaz — flagrado por maconha no exame do dia 9 — também deverá participar da audiência.

 

No dia 19 de janeiro, um segundo exame deu negativo para as substâncias, mas não valia como contraprova do primeiro. Segundo o Combate, o resultado dificulta as chances de absolvição de Spider. Ele deve perder a bolsa da luta — cerca de US$ 800 mil, contando o bônus de US$ 200 mil pela vitória — ter o resultado da luta alterado para "sem resultado" e sofrer uma longa suspensão. Por causa da polêmica, Spider já perdeu o posto de treinador TUF Brasil 4 por Rodrigo Minotauro.

 

 

Foto: Divulgação

Fonte: ZH

 

 

 

 

 

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar