Abel evita lamentar goleada: 'Inter só depende de si para ir à Libertadores'

 

Abel Braga não escondeu a cara fechada com a derrota por 4 a 1 para o Grêmio, mas faz questão de evitar qualquer lamentação. Embora o resultado no clássico tenha derrubado o Internacional para a sexta posição no Brasileiro, o técnico lembra que seu time está a um ponto da faixa da tabela que dá vaga na Libertadores e ainda não precisa fazer contas.

 

"O Inter só depende de si para entrar na Libertadores. Continuamos na briga", alertou o comandante. "Não temos que falar nada e nem se lamentar, não. Vamos tentar as vitórias nos jogos que nos restam", completou, a cinco rodadas do final da competição.

 

Mesmo o placar elástico não aumenta a preocupação do treinador. "Quando vencemos o Gaúcho pelo mesmo placar, eu disse que era uma coisa atípica, principalmente em jogo decisivo", definiu, lembrando que, na final do Campeonato Gaúcho, impôs o mesmo placar ao adversário, em Caxias do Sul.

 

Do Gre-Nal desse fim de semana, Abel Braga se disse triste apenas com a comemoração de Alán Ruiz, autor dos dois últimos gols adversário, em frente ao banco colorado, iniciando uma confusão generalizada que fez até Luiz Felipe Scolari substituir o seu meio-campista.

 

"A única coisa que lamentamos é o garoto. Ganhamos de quatro e não fomos comemorar no banco deles. Foi chato. Até apaga um pouco a vitória do Grêmio. Não precisava ter feito aquilo, podia ter gerado coisa pior", encerrou.

 

 

Foto: Getty

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar